16 de out de 2011

Horóscopo


Acabo de ler meu horóscopo no Facebook. Estou ficando assustada com a precisão dele. Já não é a primeira vez que o que recebo casa exatamente com o que estou passando, mas hoje passou da conta. Leiam e depois eu comento:

"Seus valores pessoais e religiosos ideais afetam suas esperanças, sonhos e ambições sociais ou de carreira. Você está tentado a atingir um patamar que pode ser desaprovada pelos moralistas do seu círculo social. A BMW que você cobiça talvez seja um pouco demais para os corações conservadores ao seu redor."


Pois bem, acabo de vir do almoço onde conversava justamente sobre valores. Quais os valores que ainda resistem no Brasil? A pessoa que tinha certos valores morais nos anos 60 sobrevive hoje? Como é a pessoa de sucesso de 2011?
Vejamos a primeira frase: "Seus valores pessoais e religiosos ideais afetam suas esperanças, sonhos e ambições sociais ou de carreira." Ou seja, "pode parar que do jeito que você é certinha não vai a lugar nenhum". Sim, porque eu sou honesta, meus valores são os de uma pessoa trabalhadora, que respeita o próximo, é cristã, paga sua contas corretamente e odeia trapaças, falcatruas, espertezas e o insuportável jeitinho brasileiro de levar vantagem em tudo a qualquer preço.
Aí vem: "Você está tentado a atingir um patamar que pode ser desaprovada pelos moralistas do seu círculo social". E realmente, o fato de me questionar até que ponto ser honesto e ter valores é valido no Brasil de hoje, mostra que meus valores estão sendo abalados. Isso é uma confissão? Pode ser,  mas não fiz nada de errado. Só passei a analisar.
Senão vejamos.
Você é trabalhador, honesto, acorda cedo, ainda noite, pega um trânsito bravo, ou uma condução lotada e precária. Chega em seu trabalho já cansado. Cumpre religiosamente com suas obrigações, chega no horário, faz tudo que lhe pedem, sai muito depois de todos, rala mesmo. Aí, muitos ainda pegam mais condução, mais trânsito, e chegam na faculdade, escola, ficam até tarde tentando captar o que o professor, na maioria das vezes tão cansado e frustrado quanto você, tenta te ensinar. É tarde quando você finalmente pega a última condução para casa. Cansado, exausto. Determinadas pessoas chegam em casa ainda vão estudar, outras vão limpar a casa, lavar a roupa, cuidar das crianças. Já é outro dia quando finalmente você se deita. Dormir? Pode ser, mas as preocupações às vezes não deixam e, derrepente o despertador toca, e começa tudo de novo. Aí vem o final de semana, e você não pode sair, ou porque tem que cuidar da casa, ou porque tem que estudar, ou cuidar das crianças, ou simplesmente, e o mais comum, não tem dinheiro. Começa a semana de novo e assim vai. Chega o final do mês, chega o pagamento, e a grana não dá pra pagar as contas. Aí você descobre que aquele seu colega de trabalho puxa-saco que não faz nada, só firula, é promovido. Te ligam do banco que a conta estourou, do cartão que foi cancelado porque você não pagou a fatura com juros de 16% ao mês, da escola que está atrasada, e o colega promovido sai para almoçar com o chefe. Você se pergunta, o que ele tem que eu não tenho? O que ele faz certo e eu errado? E chega em casa à noite. Liga a TV. Notícia urgente, cai o ministro disso, daquilo, mensalão, dinheiro na cueca, desvio de verbas de escolas, de estádios, INSS, transportes, viagens de filhos de políticos pra Europa, pagas com o seu dinheiro. E todo mundo rindo, feliz, com carrão (a BMW!!!), lanchas, iates, cabelereiros, festas, roupas de marca, caviar, salmão e por aí vai. Logo em seguida, uma tremenda manchete, um auê danado porque um motorista de taxi achou uma mala com uma fortuna e devolveu para o dono. Nossa, ele é um heroi! Fazem até uma matéria especial com ele, afinal o que ele fez é raro.
Definitivamente tem alguma coisa errada ! Esse é o pensamento recorrente.
Meu horóscopo está certo. A tentação existe. Sem dúvida que existe. Somos tentados a nos corromper a cada minuto que vemos as injustiças que acontecem. Os diabinhos estão  à solta, em todas as áreas, e você chega a ser taxado de "mané", de "bundão".
Mas não, eu tenho caráter, eu tive berço, tive uma educação dada por uma pessoa que passou fome, e ainda assim, jamais se corrompeu. E venceu. O exemplo eu tenho e ele será minha tábua de salvação nesse mar de lama que se transformou meu país.
Eu cobiço sim algo grande, como todos, tenho ambições de um bem-estar material, mas minha moral estará sempre como estandarte, à frente nessa batalha.Temos que resistir, não desistir. Conseguirei o que quero com os meus valores e isso, quem sabe, o próximo horóscopo possa prever. Porque afinal, ele acerta os caminhos, mas quem escolhe qual deles seguir somos nós mesmos. Qual você vai escolher? Sua BMW vale tanto assim?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"LUJINHA" DA CLAUDINHA

http://www.zazzle.com.br/clautulimoschi*

wibiya widget